sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Amor Odio e os Conjuntos


Sempre ouvi dizer que amor e adio andam junto, isso dá medo de pensar, porque amanhã talvez odeie o que hoje amo...

Não sei definir sentimentos e pra ser bem sincera muitas vezes não sei nem ao menos demonstra-lós, mas sei do que gosto do que me agrada então poderia dizer que o conjunto de coisas que gostam é aquilo que amo... Mas todos vivemos de fases e se amanhã tudo aquilo que eu pensava gostar que eu acreditava que era o que me agradava não fazer mais sentido? E eu simplesmente passar a não gostar mais.

Então passando por meu momento de insanidade poderia dizer que o conjunto de coisas que "amo" pode amanhã trocar de conjunto, partir para o outro lado e eu passar a odiar. Então faria sentindo dizer que os dois caminhos juntos, quer dizer não juntos mas em grupos diferentes o que parecia dois extremos acaba ganhando proximidade.

Creio que ao longo desta "videnha" torpe organizamos nossos "conjuntos" reiventamos , acrescentamos tudo o que desejamos excluímos aquilo que um dia já fez toda importância.
Quem dera fosse fácil assim só trocar as coisas de lugar de conjunto sem deixar alguma marca, por isso sempre preferi cálculos... Mentiraaaaaaaaaaaaaa !!!! Tá bom confesso sempre me dei bem com eles graças as abençoadas calculadoras.

Mas e ai alguém tem uma calculadora da vida pra me empresta???


4 comentários:

@nj@mc disse...

todos nós temos um pouco disso amor e odio
lindo post parabens
abraços

Dani Sans disse...

Amor e ódio andam juntos separadamente, acho dficil unir os dois, amo tudo q me faça bem, e que me traz paz, segurança, tranquilidade e bem-estar, tudo que me faça acreditar em coisas boas, o ódio é um sentimento também como o amor é, e ele nos dá uma dor e uma parto no coração q vou te contar é ruim demais, daí é q aparece o câncer.
Mas concordo quando diz no conjunto, e como você me falou, recentemente numa conversa super legal e sincera entre nós duas, estamos num mesmo conjunto, e fiquei feliz em saber.

Neusa Fiesta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Neusa Fiesta disse...

Minha linda guria faceira: eu creio que o amor e o ódio estejam alí, ó! É só relembrar o quanto amei meu ex e o ódio profundo que tenho dele hoje!!! rsrs
Falando sério, os neurobiólogos já comprovaram através de testes que, as mesmas áreas do cérebro são ativadas quando as pessoas olham para imagens de alguém que amam ou odeiam. A reação química cerebral e neurológica é a mesma. Assim, está mais do que confirmado que a distância entre o amor e o ódio é bem menor do que muita gente pensa!

BEIJOSSSSSSS

Postar um comentário