domingo, 22 de janeiro de 2012

Quero Você!



Hoje não quero o sol
Quero a chuva para banhar meu corpo
E lavar minha alma
Levar embora todas mágoas
Renovar desejos...

Quero a chuva de mansinho
Para que no aconchego de meu quarto
Possa lhe sentir comigo
Que traga de longe seu perfume
E o tímido toque de suas mãos

Desejo o brilho da lua
Sobre nossos corpos molhados
Que o vento leve, compassado
Com os pingos da chuva
Leve para tão distante
O cheiro do nosso amor
Que faça pousada em seu coração
Que deixe marcas em seu corpo
Que molhe sua boca na minha...

Bj Juci Diass

2 comentários:

Sissym disse...

Hoje, a noite, vou falar maliciosamente este seu poema... e depois permitir que as bocas sedentas se reencontrem. Eu comandarei a festa! rssss

BEIJOS

Sissym disse...

Quer saber? ontem e hoje tambem quero chuva para levar as magoas embora. Não tem jeito, sou feita de sentimento e tem sempre alguem que adora cutucar as feridas.

Guria Faceira, queridaaaaa!!!!!! saí do dihitt, estou otima, já me inscrevi para receber suas novidades por email. Voltarei!

Beijos

Postar um comentário