quinta-feira, 29 de março de 2012

Sem você...



Que seria do tempo se fosse 
Apenas horas citadas em um relógio
Ponteiros parados no tempo 
Engrenagens sem lembranças
No descaso esperando que se mova
Ponteiros sem direção 
Horas vazias
Assim sou eu...
Sem você! 


4 comentários:

CrAzYpOeT disse...

Lindas palavras...

"Ponteiros sem direção... Horas vazias..."
Assim sou eu... Sem você!

Expedito Gonçalves Dias disse...

Pois é Juci. Pelo menos para alguma coisa serve o tempo; para percebermos o que nos falta...
Abraços!

Sissym disse...

Hummm estive assim, me sentindo num vazio por conta de alguem que nao merecia (nunca merecem). Então tratei de dar corda, para mim... caí fora.

Beijos

§ilêncio .. disse...

Olha só... o que temos aqui...

Uma autêntica poetisa.
Mergulhando tb m de cabeça em teus textos..
Parabéns, todo lidão seu espaço.

beijos...

Postar um comentário