segunda-feira, 16 de julho de 2012

Quero acolher-te em mim



Profano desejo 
Que me seca a boca 
Sede infinda de querer 
Sobre nuvens em um espaço só nosso 
Imagino nossos corpos 
Matando a sede insana de dois 
Corpos apaixonados 
Lhe toco a cada toque ti sinto 
Seu cheiro penetra em minha pele 
A cada olhar nos entregamos um pouco mais 
Seu leve toque me faz delirar 
A cada gemido contido 
Me sinto devorada 
Enquanto faminto me abraça indecente 
Sou sua presa e você meu louco desejo 
Degusto seu beijo sobre meus lábios quentes 
Enroscamos nossas línguas sem pudor 
Corpos em chamas 
Alma cheia de desejos 
Nos mordemos, nos amamos 
Sugo todo seu vigor 
Sinto seu sabor que escorre por entre meus lábios 
Te enlouqueço... 
Me seguras me faça sua, 
Sinto seu cheiro misturado ao meu 
E isso me fascina, 
Este prazer insano me faz querer cometer todos pecados 
Quero acolher-te em mim 
 
By Juci Diass


6 comentários:

  1. Monstrinho Crek Crek16 de julho de 2012 16:49

    Bah Guria Faceira...

    Quanta faceirice é essa?
    Simplesmente envolvente, sedutor.
    Poemas eróticos são algo incrível, pois as palavras conseguem induzir nossa imaginação de uma forma muito intensa.
    Parabéns por esse poema lindo e "sexy"!

    ResponderExcluir
  2. Juci,

    Puxa quanta intensidade hein?
    Quase que nos afoga em pleno desejo, querendo a mesma situação ai descrita.
    Quanto amor, envolvente e querido, louco desejo que penetra a alma e o corpo os tornando uma só pessoas.
    Lindo, apaixonado.
    Um grande beijo ruiva.
    Tenha uma ótima noite.

    ResponderExcluir
  3. Juci !
    rs
    Dá até pra soltar o ar depois deste poema !

    Simplesmente contagiante ! rs
    E é isso que adoro nos seus posts,
    o recado é sempre dado. Muito bem dado !

    Um beijo e uma excelente semana ;)
    Jhosy
    http://meninamsicaeflor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Uiiii amiga!!!!! Loucura total e ardente....Adoro! Parabéns!

    ResponderExcluir

Postagem em destaque

Ser escuridão...

Tinha certeza que aquele não era seu lugar Sentia-se estranha, porém acomodada estava Sorria para noite apreciava a escuridão Que...

Postagens mais visitadas