terça-feira, 14 de agosto de 2012

Horizonte



Olhos distantes 
Perdidos no horizonte
A brisa mansa toca meu rosto
Te vejo por entre o céu 
Recheado de nuvens 
Me perco no silêncio
Que afaga meu coração
Doce momento... 
Pequenas lembranças... 
E um unico pensamento, 
você!




4 comentários:

Aramehabil disse...

Parabéns pela poesia , bem curta porem direta e clara abs.

http://www.aramehabil.com.br

Cla disse...

Juci, que linhas lindas, curto poema, mas exemplificando todo o sentimento que a saudade lhe faz, com os olhos no horizonte, mas a cabeça no amor.

Parabéns, um grande beijo.
Boa noite.

Nós Os Cachorros disse...

Guria,

obrigado pela visita.
Realmente a Simone é uma pessoa única.

Abraxos.

Sissym disse...

Ju, saudades. Eu queria compreender melhor a internet. Eu tinha a assinatura de seu blog, assim como de muitos outros, de vez em quando "desconecta". Aí perco as pessoas de vista.
Graças a um comentario seu, consegui novamente vir aqui e me cadastrar mais uma vez.

Lindo poema, anda regada de sensibilidade.

Agora, vou dar um pito na Lola, está estressada lá fora, não aceita visitas de estranhos.

BEIJOS

Postar um comentário